Em Carambeí, Patrícia Kremer ainda aguarda definições

Campos Gerais

24 de setembro de 2020 17:09

Da Redação


Relacionadas

Candidato a prefeito de Irati tem mal súbito em evento

Denúncia de cacique leva PM a apreender mais de 100 aves

Palmeira registra 11 novos casos de Covid-19

Adolescente sofre lesões graves em acidente na PR-092
Briga entre vizinhos termina com dois esfaqueados
Região mostra potencial para rotas de cicloturismo
Operação em Castro identifica rapaz pilotando moto roubada
Definições internas são necessárias para Patrícia Kremer lançar candidatura Foto: Divulgação/Arquivo pessoal
PUBLICIDADE

Partido dela, o Avante, registrou candidatura no sistema do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mas ela ainda aguarda reuniões internas para lançar a campanha

Com o registro da candidatura de Patrícia Kremer à Prefeitura de Carambeí (região dos Campos Gerais), noticiado pelo portal aRede na manhã desta quinta-feira (24), o município pode ter cinco concorrentes na corrida pela Prefeitura Municipal. Pode, porque segundo a própria membro do Avante, o lançamento de seu nome para o pleito ainda depende de decisões e definições internas.

Patrícia entrou em contato com a redação do portal alegando ter ainda outras decisões para tomar antes de oficializar a candidatura publicamente. No entanto, como o prazo estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para o registro de candidaturas termina no próximo domingo, o partido optou por fazer o registro e garantir que, caso as decisões internas sejam favoráveis, a candidatura não seja inviabilizada pela perda do prazo oficial.

Considerando a relevância de fazer parte de uma campanha eleitoral e que isso precisa ser criteriosamente avaliado, pois a eleição envolve vida das pessoas da cidade, ela alega não ter aceito nem mesmo conversar para ouvir propostas de aliados políticos e candidatos, para compor coligação, frisando que não quer fazer parte de “amarras políticas”. 

“Da mesma maneira que gostaria, depois de tomada todas as decisões necessárias, divulgar oficialmente sobre a candidatura em sua rede social, em razão de que o pleito será somente no dia 15/11/2020, existindo tempo hábil para oficializar ou retirar a candidatura, por isso não querendo de sua vontade, tornar público ainda, para não criar expectativas tanto positivas quanto negativas”, destaca a nota enviada ao portal aRede por Patrícia.

PUBLICIDADE

Recomendados